Trupe Artemanha – 20 Anos Revelando Artemanhas

 

Repertório

IN-DI-VÍ-DUO

A Trupe traz aos palcos o primeiro espetáculo da trilogia “O Atuador primitivo no Teatro político”, que faz parte do processo de investigação de sua linha de estudo, voltado para os códigos corpóreos e experimentos de Biomecânica e do Bufão a partir das pesquisas e procedimentos de treinamentos específicos da companhia.

O espetáculo “In-di-ví-duo” marcará também a estreia da Trupe Artemanha de investigação teatral na cidade do Recife. Além de comemorar os 20 anos de existência da companhia, que foi fundada no estado São Paulo e que desde novembro de 2015 atua em solo Recifense.

Sinopse: 

O País Sem Nome passa por um momento de crise e consequentemente acaba por revelar o cotidiano de um jornalista chamado In-di-ví-duo, possuidor de outros nomes. Esse cidadão guarda diversos segredos comprometedores. Mesmo perdido em seu universo fantástico e em sua ideologia, resolve fazer sua própria revolução, “a revolução de um idiota”, revelando o seu grande ato final.

Roteiro dramatúrgico livre inspirado no poema “” Appfelböck”” de Bertolt Brecht.

Dramaturgia e Encenação: Luciano Santiago
Elenco: Daniel Gomes, Luciana Lemos, Luciano Santiago, Ronald Santos Cruz e Washington Machado
Projeto de Luz: Francisco Alves PH
Composição Musical e Violino: Ronald Santos Cruz
Preparador Vocal: Elthon Fernandes
Coreógrafa: Joelma Tavares
Coordenadora de figurinos e adereços: Luciana Lemos
Figurinos e adereços: Criação coletiva
Produção Geral: Trupe Artemanha de investigação teatral
Produção Executiva: Tadeu Gondim
Assessoria de Imprensa: Alessandro Moura
Identidade Visual: DGC – Designer Gráfico Cultural
Projeto: Trilogia “O Atuador primitivo no teatro político”

Realização: Trupe Artemanha de investigação teatral
Apoio Cultural: DGC – Designer Gráfico Cultural – https://goo.gl/OHLhcR
Apoio Institucional: Teatro Arraial Ariano Suassuna / FUNDARPE / Governo do Estado de Pernambuco
Teatro Municipal Barreto Júnior

Agradecimentos:
Paloma Viana, Ana Claudia Wanguestel e equipe do Teatro Arraial Ariano Suassuna, equipe da Fundarpe, Marcelino Dias e equipe do Teatro Municipal Barreto Júnior.

compartilhar

   

Voltar